sexta-feira, 22 de julho de 2011

Agressão aos idosos em Lauro de Freitas

O Abandono do idoso no Brasil se intensifica na precariedade dos serviços prestados pelo estado e na falta de um profundo debate nas escolas sobre o estatuto. Em Lauro de Freitas Airton Marques, presidente da ABPLILF, uma instituição filantrópica reconhecida pelas suas ações de resgate à dignidade  dos Idosos, afirma que diariamente o órgão recebe várias denuncias.

As principais reclamações estão relacionadas ao transporte público.   Segundo Marques, as  empresas de ônibus Costa Verde, Dois de Julho, Via Nova e alguns transportes alternativos  desrespeitam constantemente o Estatuto do Idoso.

Agressões verbais, não abertura ou fechamento brusco das portas, não parada dos veículos em pontos são algumas das situações vexatórias sofridas por aqueles que deveriam receber total respeito e acolhimento.

“Essas práticas discriminatórias, já vem ocorrendo há muitos anos, sem nenhuma solução; pelo contrário, os responsáveis continuam impunes e tripudiando em cima das leis e dos poderes constituídos. Só nos resta a imprensa e uma atitude mais imediatista e coercitiva da justiça” afirma Marques.


Aonde está a cadeira??

Quais os programas sociais voltados para o Idoso em nossa cidade? Existe algum inventário sobre esse tema? Como as Secretarias, escolas e conselhos estão debatendo esse assunto?

O Café com Notícias e o Consulado Social conclama todos os segmentos da sociedade para  refletirem sobre esse tema, ao passo que abre espaço para divulgar ações que possam reverter esse quadro.

Resumo do Estatuto:
  • Distribuição gratuita de medicamentos e próteses dentárias pelos poderes públicos;
  • Nos contratos novos feitos pelos planos de saúde não poderá haver reajustes em função da idade após os 60 anos;
  • Desconto mínimo de 50% no ingresso de atividades culturais e de lazer, além de preferência no assento aos locais onde as mesmas estão sendo realizadas;
  • Proibição e limite de idade para vagas de empregos e concursos, salvo os acessos em que a natureza do cargo exigir;
  • O critério para desempate de concursos será a idade, favorecendo-se aos mais velhos;
  • Idosos com 65 anos ou mais que não tiverem como se sustentar terão direito ao benefício de um salário mínimo;
  • Processos judiciais envolvendo pessoas com mais de 60 anos terão prioridades, nos programas habitacionais para aquisição de imóveis e transporte coletivo urbano e semi-urbano gratuito para maiores de 65 ano

Conheça mais sobre a ABPLILF:
Em caso de agressão, entre em contato com:
Conselho municipal do Idoso de Lauro de Freitas: 32894341
Ministério Público: 33781213 / 33783611
Defensoria pública: 32888854
SEMASCI-CRES – 32893435
Delegacia de Itinga: 31161610
Delegacia de Portão: 33795311
Delegacia do Centro: 32888762

Fonte: Café com Notícias e Consulado Social

0 comentários:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Publicidade

Publicidade