sábado, 11 de junho de 2011

Reajuste de 13% mantém professores de Lauro de Freitas entre melhores salários da categoria no Estado

Volta as aulas - Foto: Danilo Magalhães
Os professores da rede municipal de ensino de Lauro de Freitas aceitaram a proposta de reajuste salarial de 13%, para o nível M1, professor sem formação superior. Assim, 10,353% serão aplicados de imediato nos vencimentos dos profissionais do magistério, retroativo a 1º de abril, e 2,4% serão disponibilizados no mês de setembro, condicionados ao repasse do Fundeb. Agora, prefeitura e professores discutem como será feita a reposição das aulas perdidas.

O secretário municipal de Educação, Paulo Aquino, destaca que o prejuízo da greve ficará por conta do recesso junino e das férias de dezembro que serão utilizados para reposição das aulas, mas o calendário letivo de 200 dias será cumprido integralmente, sem perda de conteúdo para os alunos. Aquino também revela que com este reajuste o município se mantém entre os que pagam melhor salário ao professor no país.

O professor que trabalha 40 horas semanais e ensina no fundamental I recebe R$ 2.048,00, incluindo salário base, gratificações e benefícios (vale transporte e ticket alimentação). Os servidores graduados em nível superior, que representam mais de 60% do quadro da Educação, têm remuneração de R$ 2.656,00. “Sempre fomos referência para outras administrações municipais. Temos um dos melhores salários pagos na Bahia”, afirmou o secretário. 

Em 2005 os professores que trabalhavam 40 horas semanais tinham salário base de R$578 e não havia vale transporte e ticket alimentação. Atualmente o salário base é de R$1.798, mais gratificações e benefícios. O percentual de reajuste ao longo desses seis anos foi de 74,49%, incluindo o índice de 10,3% aplicado ao salário. Caso os aumentos acompanhassem os índices inflacionários, os salários não passariam de R$795. O secretário da Fazenda, Roque Fagundes, salienta que o município sempre priorizou a educação. Um exemplo: a lei determina que 60% do Fundeb seja destinado ao pagamento do salário dos docentes. No entanto, em Lauro de Freitas sempre praticou mais. No ano passado o percentual ficou em 76%. 

A Secretaria Municipal de Educação já apresentou a Associação dos Profissionais da Educação de Lauro de Freitas (Asprolf) um calendário para reposição das atividades. “Vamos cobrar dos docentes uma posição de responsabilidade com os estudantes”, afirmou Aquino.

2 comentários:

Parabéns Professores, parabens ASPROLF! Aqui em Lauro vcs e os guardas são referência de luta. Só falta agora pagar um salário dígno aos guardas, pois nunca tem dinheiro para isso, ou melhor, para injetar na nossa segurança pública municipal.
A nossa Associação está saindo tb, daí, nossa luta será mais sólida nas proximas manifestações e negociações.
Abs.

Concordo com o leitor Jarbas. Como se pagar salário de fome aos defensores do patriômio públicos e das pessoas q estão sempre com a comunidade? Isso é um absurdo e deve ser corrigido o quanto antes.
Guarda Municipal participa de eventos, cortejos, presta socorros, informações a população, não usa da farma para impor nada em cima de ninguém, enfim, tomara q o próximo prefeito enxergue isso, pq ja estamos no 7º ano e até agora essa ótica está "tapada". Mas ainda é tempo de se corrigir isso... Como pagar mal a pessoas q estão sempre conosco, que querendo ou não nos ajudam e fazem nossa segurança e de nossas crianças?

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Publicidade

Publicidade