quarta-feira, 29 de junho de 2011

O brilho do São João não oculta a falta de gestão do secretário de Cultura

Por Fabiano Bluz


Depois de um longo feriado onde diversas pessoas foram para outras cidades curtirem as festas juninas, Lauro de Freitas começa a voltar ao normal. Hoje (28) passei pela praça da Matriz e a estrutura de palco, barracas e ornamentação já estão sendo desmontados. Segundo alguns munícipes a festa foi boa, pena que só foram dois dia.
Aproveitando esta fala eu quero iniciar este texto elogiando a equipe de eventos da Secretaria de Cultura que montou toda a estrutura, organizou a grade da festa enfim, transformou o centro de Lauro. Infelizmente no final foram dispensado pelo secretário com o argumento de que as pessoas só querem falar com eles nos eventos e termina não enxergando-o (secretário de cultura).
É verdade, realmente a comunidade não enxerga mais o secretário de cultura e a prova foi na quinta-feira, após discursar na praça em cima do palco, o mesmo recebeu uma grande vaia. Faça-me uma garapa, depois de três anos de gestão sem nenhum trabalho realizado ainda quer falar no microfone.
As pessoas que não viajaram foram dois dias na praça da Matriz participar da festa que foi muito bonita e bem organizada. Tem algumas observações a serem feitas, mais nada que venha tirar o brilho da festa. Por outro lado os comerciantes informais que esperam este momento para ganhar um trocado ficaram decepcionado, com um longo feriado e somente dois dias de festas (quinta e sexta-feira), o sábado e o domingo ficou sem atividade na praça. Com uma estrutura pronta, o secretário de cultura e turismo poderia ter se esforçado mais e colocado quatro dias de festa, gerando renda para esta categoria e também para entidades cultural local. Infelizmente o gestor desta pasta não tem a capacidade de desenvolver um evento amplo que atenda a todos os segmentos.
No sábado, andando pelo Centro da cidade percebi em vários restaurantes e outros comércios um vazio muito grande, devido a falta de clientes, podemos dizer que a falta de turista. Tem que se pensar São João não só como uma festa e sim como um evento de captação de renda para o comércio local e a visibilidade do município de Lauro de Freitas como roteiro do Forró a nível nacional.
A inoperância da gestão desta pasta é tão grande que o departamento de turismo não tinha nenhuma informação sobre a programação do São João faltando menos de 30 dias para a festa e o site da Bahiatursa também não tinha nenhuma informação.
Vale a pena comentar aqui, que em uma coletiva de imprensa que ocorreu tem uns 15 dias o secretário de cultura falou que o total da festa estava aproximadamente em R$ 270.000,00 que deste dinheiro foi solicitado a Petrobrás como patrocínio um valor de R$ 100.000,00 mas que tudo indicaria que o patrocínio seria de R$ 40.000,00. Talvez a Petrobrás não deu este valor solicitado, porque a festa só foi dois dias e a sua marca não foi divulgada como deveria e geralmente acontece em outros municípios em que a mesma patrocina.
Sem um plano de mídia adequado e uma proposta de divulgação da marca qual é o patrocinador que vai viabilizar alguma capital para um evento?
É bonito o secretário falar sobre políticas públicas para a cultura enquanto a obra da Concha Acústica do nosso município está parada e o mesmo não toma nenhuma providência para concluí-la. Veja na matéria feita pelo Consulado Social.
Sabe por que acontece ainda grandes eventos em nossa cidade? É por causa das pessoas que realmente fazem cultura, vivem a cultura, por isso que no São João nos temos o Arrasta Jégue, Amigos da Carrocinha, Tradição do Chapéu e Gravata, e outros, fora deste período outras manifestação culturais espalhadas por diversos pontos da cidade, algumas com apoio da Prefeitura e outros não. Graças a estes heróis que ainda não morreu a cultura da nossa cidade. Já não posso falar o mesmo da Secretaria de Cultura e Turismo que está em estado gravíssimo na UTI devido a uma péssima gestão. E não sou eu que estou dizendo é o povo que na quinta-feira vaiou o secretário de Cultura na praça Matriz.

1 comentários:

Bom! Isso é muito bom, poucos tem coragem de divulgar noticias como está. Eu e minha família fomos passar o São João em Catú e lá a festa teve inicio na quarta-feira com bandas locais, quinta teve Margarete Meneses, na sexta teve Mastruz Com leite e no sábado eu vim embora pra curtir o São João da minha cidade e encontrei a praça cheia de gente, um palco bonito armado e nenhum atrativo. Em catú a PETROBRAS patrocinou mais em Lauro que vergonha! Como que Lauro vai capitar recursos se só tem gente incompetente, um monte de cargo politico, quando tem reunião na cultura só não participa o segurança e a mulher da limpeza o resto é tudo diretor, muito chefe e pouco pião assim não tem como ter melhores resultados.

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Publicidade

Publicidade